Translate

terça-feira, 28 de maio de 2019

O seu futuro é legal pra você?


Acho que muita gente aqui já leu aqueles livros de auto-ajuda (ou quase isso) e por ali tinha algo assim:

Onde você se imagina daqui a 3-5-10-15-20 anos?

Anota agora num pedaço de papel, onde e como você quer estar.

Daqui a 5 anos anos eu quero estar ________________________________________________________

Daqui a 10 anos eu quero estar ________________________________________________________

E assim vai com mais anos a frente.

Talvez você tenha anotado isso e feito um pequeno parágrafo, o que acho muito saudável e importante. Eu fiz isso antes de fazer algumas provas, passar no vestibular, passar em outros concursos e na minha especialização, passei por muitos filtros e acho que essas pequenas tolices me ajudaram bastante. Não gosto de criticar quem está lendo livros de auto-ajuda, por que no mínimo a pessoa está tentando melhorar e buscar algum guia ou mapa para melhorar na vida.

Proseguindo, escrever seus objetivos é essencial e mais essencial ainda é imaginar como será a sua vida nessas datas, com todas as cores, sons, cheios, pessoas, luminosidade e sensação de bem estar. Você tem que ter um futuro atrativo para mover-se em direção a ele. Isso funciona sim.

Agora mais importante do que escrever e imaginar, é responder a si mesmo se esse futuro é legal pra você. Quais as suas motivações para estar ali? Você vai se sentir feliz? Vai ficar satisfeito? Vai ter tudo que precisa para se sentir bem?

Exemplo: Daqui a 10 anos, quero estar morando numa casa de campo, sem escadas, com um quintal grande, uma frente enorme, longe de vizinhos, com cachorros, numa cidade de pequeno-médio porte, com um carro pra pegar estrada e fazer pequenas compras, uma árvore com sombra densa para deitar numa rede, fazer um churrasco, uma bica pra tomar um banho do lado de fora da casa, ter uma esposa e talvez um ou dois filhos, e não me preocupar muito em ganhar dinheiro pois terei uma renda passiva muito tranquila para cobrir com folga os meus gastos e ainda sobrar algo pra viajar uma vez ou outra.

Você ficaria tranquilo com este futuro?

É isto que me pego pensando. Minha mente é muito inquieta.

Conquistei bem mais coisas do que imaginei e cheguei bem mais longe do que o mundo tinha preparado para mim, do meio onde me criei. O primeiro desafio é sobreviver, o segundo é se educar, o terceiro é conseguir emprego, poupar, estudar investimentos e efetivamente investir, crescer o bolo, receber uma renda passiva constante e que sempre aumente um pouco e finalmente um dia, os gastos para a vida que você quer serão cobertos por essa renda e ainda sobrará um pouco. Neste estágio você estará em outro plano, descolado de 90% da humanidade, que acorda todo dia pra trabalhar para pagar contas e colocar o arroz na mesa de casa.

De certa forma estou me preparando para o meu estágio final de acumulação de dinheiro. Isso não vai durar para sempre, pois a idade vai chegando e é preciso de um plano bastante eficiente para lançar o foguete da IF e entrar em órbita.

Quando eu terminar de pagar o financiamento, vou conseguir fazer aportes vultuosos se tudo for dando certo (claro que algo pode dar errado) mas vamos pensar que tudo vai dar certo (manter minha renda, gastos controlados) e conseguir ter saúde para trabalhar mais 36 meses.

 - Pra você que chegou a pouco tempo no blog, saiba que trabalho desde muito cedo, consegui sair do nível de subsistência horrivelmente básica para um nível um pouco melhor em 2009, quando comecei a ter um pouco de dinheiro para lazer e estudos melhores (inglês, internet, cursos extras) e finalmente em 2013 concluí toda a minha carga horária da vida de faculdade e pós graduação e consegui um emprego no setor privado.

De 2013 pra cá já foram seis anos intensos, de trabalho duro e alguma renúncia ao consumo, e praticamente a minha carga horária é dupla em relação à média de qualquer trabalhador, dessa forma, posso dizer que tenho uma carga horária de 12 anos nas costas, e com mais 36 meses, vou adicionar mais seis anos nas costas, totalizando 18 anos, sim, você leu certo.

Digamos que a loja continue dando certo e assim estarei trabalhando por 2,5 pessoas (sendo a 1/2 a renda da loja), então adicionarei 9 anos aos 12, totalizando 21 anos trabalhados e como a minha taxa de poupança sempre foi maior que 70% acredito que vou ter uma boa renda passiva que somando loja + proventos, dividendos e juros vai dar mais de 20k mensais, num cenário bastante mediano.

De certa forma estou bem animado em relação a isso, e assim consigo ficar mais satisfeito e o meu dia mais leve. Enquanto vejo e escuto dezenas de pessoas brigando por centenas de motivos fúteis e idiotas, penso no futuro próximo que me aguarda. Os planos ainda estão na mesa e já vejo algumas possibilidades bacanas, tais como voltar para a minha cidade natal, ir pra Portugal, ou mesmo pra uma outra cidade onde tenha praia no Brasil e seja razoável para morar com conforto e segurança, podendo viajar alguns meses do ano para dentro do Brasil ou mesmo no exterior sem compromissos de trabalho que me prendam aqui ou ter que esperar aqueles velhos 30 dias de férias anuais para viajar e ainda assim fazer meus hobbies por aqui mesmo.

O que eu quis dizer com esse post?

- Que é importante escrever seus planos.
- Que é legal ter uma visão clara do que quer e que essa imagem tem que ser atrante pra você.
- Que isso faz com que o seu dia tenha mais sentido, objetivo, realização e foco.
- Que você é dono do seu destino, pode e deve trabalhar arduamente para chegar onde quer, com expectativas otimistas e razoáveis, independente de onde veio, de sua criação ou educação de base ou da escolaridade dos seus pais. Você apenas com a internet, PDFs, cursos online, boa companhia - comunidade que você frequenta (física ou online), leitura e informação poderá chegar muito mais longe do que imagina.
- Que o mundo que você quer, é seu, e ele está aqui!

Pensem nisso com carinho e façam esse belo exercício de imaginação.

Grande abraço a todos,

Frugal.

segunda-feira, 27 de maio de 2019

Dívida diminuindo, stress diminuindo.


Prezados amigos,

Imagino que vocês estejam já de saco cheio de me ouvir falar nessa tal dívida que parece que nunca acaba e nem vai embora, e não lhes tiro a razão, esse papo da dívida do Frugal já deu o que tinha de dar.

MAS é isso mesmo meus amigos. A intenção do blog é exatamente esta, é uma espécie de diário que mostra as minhas desventuras. Vocês nunca saberiam o quanto pesado isso esteve na minha cabeça e como me estressou, tomou conta da minha vida, dos meus pensamentos e moldou a forma como eu reagi ao mundo nesses últimos dois anos.

Descobri que tenho aversão a dívidas, qualquer dívida, e principalmente as grandes, como por exemplo, financiamento imobiliário. Fica tudo suspenso e o seu pescoço a mostra, se der alguma coisa errada, você perde o imóvel. É isso. E quando se trata de um imóvel muito caro, com vários anos do seu trabalho ali, é extremamente mais estressante.

Eu Janeiro, Fevereiro, Março/2018 eu estava uma pilha, com dívida lá em cima, empresa começando, me virando em três, com dezenas de incertezas na cabeça, montando equipe, treinando, intermediando os conflitos, pagando dezenas de boletos, me irritando com qualquer coisa (até ligações banais), diversos prestadores de serviços e muita coisa pra arrumar no imóvel, enfim, parecia uma agonia sem fim, com vários tasks pra fazer todo dia. A sensação de falta de tempo, de muita coisa pra fazer, de escassez de dinheiro, de pagar juros, de não ter certeza do mês que o lucro ia chegar, tudo isso me fez muito mal.

A gente fica se questionando por que se meteu nisso, se a bolsa e o tesouro direto estavam bem ali ao clique de um mouse. E eu já disse aqui que até hoje eu não vou saber responder. Fui enganado por mim mesmo? Me sabotei ou dei o pulo do gato? Enfim, dezenas de variáveis.

Hoje em dia estou melhor, a dívida está em 129k, daqui a 2-3 meses estará totalmente liquidada e eu poderei colocar a cabeça pra fora da caverna novamente, meu patrimônio consolidado irá passar de 3,4M e estarei na quinta marcha com aportes vultuosos no segundo semestre desse ano.

O fato e o que quero salientar aqui, é que na época que a dívida estava alta, eu estava tão carregado que até para dirigir era difícil, ficar numa fila era difícil e quem sabe talvez até tenha sobra stress e mau humor pra quem não tinha nada a ver com a minha situação pessoal. 

Eu me considero uma boa pessoa, um bom cidadão, aquele que fica ali pacientemente no fim da fila sem reclamar, que tentar ser cordial com os vizinhos, que dá a vez no trânsito pros outros carros, que se preocupa com o bem estar dos colegas de trabalho, com a família e por aí vai, MAS na época que essa dívida estava alta, eu acho que me perdi um pouco da minha essência e estava cobrando muito do mundo, e estava muito sem paciência, intolerante e exigindo bastante que as coisas funcionassem corretamente.

Aprendi da pior forma várias lições, me conheci melhor, superei uma fase dificílima, dei um passo muito grande e sozinho (sem sócios), me aventurei num mundo que não conhecia, assumi um risco ENORME para pouco retorno até agora e sei que estou saindo fortalecido dessa.

Há 10 anos atrás eu estava entrando numa outra fase muito difícil da minha vida, sofri bastante por alguns anos até me reencontrar, e hoje em dia olho pra trás e sou muito grato pelo que aconteceu. Aquela época me moldou e me ajudou a chegar onde eu estou e ser quem eu sou hoje. Quem sabe essa pequena experiência dos últimos 24 meses me será de extrema importância daqui a 10-15 anos? Acredito que sim. 

Acredito que eu esteja bastante vacinado pra muita coisa na minha vida, e não estou falando apenas de finanças, negócios, investimentos, abrir empresas ou empreender, estou falando do meu auto-conhecimento e também das relações humanas e de trabalho no mundo corporativo, e também da minha experiência comercial. 

É até engraçado como eu me relaciono com a área comercial de outras empresas - vendedor ou agente comercial de outras empresas me vêm pra cima com aquelas técnicas de venda, avisos, promoções e etc - e eu fico pensando comigo "ô filho/filha, eu também sou da área comercial da minha empresa, mas não sei se te conto". Talvez só essa experiência comercial do presente me evite de fazer muita burrada na minha vida daqui pra frente, já fez na verdade, vendedor fala "olha eu só consigo segurar esse preço ou esse desconto pra hoje"- eu: ARRAN.

Finalizando pois o post já está meio grande: Estou melhor meus amigos. O pior já passou. A dívida vai acabar e a loja está dando lucro, se pagando e ainda sobra. De quebra já estou gerando 12 empregos e isso me faz um pouco mais feliz e satisfeito por estar contribuindo um pouco na vida dos funcionários que estavam todos desempregados.


Recomecei meus estudos em análise fundamentalista e também em fundos imobiliários. Virão posts muito bons por aqui, com modéstia a parte, tenho um pequeno orgulho em poder contribuir com a análise fundamentalista na blogosfera. Cuidado com os youtubers de finanças e com as carteiras recomendadas das corretoras, vou falar sobre isso aqui no momento adequado.

Grande abraço a todos!
Frugal.

terça-feira, 7 de maio de 2019

Como melhorar o seu sono


Tópico bastante importante e esquecido na nossa vida nos dias loucos atuais.

Como é o seu sono?

Você dorme bem? Sente-se descansado ao longo do dia?

Vou falar aqui uma coisa importante

A HIGIENE DO SONO.

Você já ouviu falar sobre isso?

Você tem idéia do quanto o sono pode ter impactos na sua vida, os quais você nem imagina?

Eu sou um péssimo exemplo no quesito sono mas vou melhorar nisso, pois um dia a fatura do sono irregular chega, e dependendo da sua profissão (quem trabalha a noite) é pior ainda. Acredito que já ganhei uns kilos por dormir mal e fico estressado durante o dia.

Primeiramente, se você tem uma profissão que te permite dormir em casa toda noite, sempre, você tem muita sorte e privilégio. Existe uma legião de pessoas que trabalha madrugada adentro em várias áreas (saúde, segurança, suporte on line, telefonia, energia, centrais, vigilância, bombeiros, taxistas, motoristas, pilotos, aeroviários, farmacias, supermercados, postos de gasolina...) enfim são muitos lugares e profissões e eu tenho muita pena do pessoal que trabalha de madrugada porque é extremamente desgastante para a nossa saúde e bem estar.

Trabalhar a noite me motiva a atingir minha IF com maior brevidade do que se eu não trabalhasse, pois eu sei o quanto isso é nocivo para mim e para as pessoas a minha volta. Quando você dorme mal ou não dorme, o outro dia é onírico, uma mistura de realidade, sonho, ficção, visões, esquecimento, mau humor e cansaço, é péssimo.

Quem não dorme direito tem maior probabilidade de engordar, ter doenças mentais (ou aumentar a gravidade das que já tenha), como depressão e transtorno bipolar, problemas cardíacos, pressão alta, diabetes e muito mais, você pode dar um google aí que vai achar muita coisa ruim - a maioria delas verdadeira.

Uma coisa bem latente é a perda de capacidade de raciocínio, mau humor e deterioração das relações pessoais e profissionais. O ser humano foi feito para dormir a noite, isso é natural e compreensível, mas o mundo mudou e obrigou milhões de pessoas a simplesmente não dormir a noite o número de horas suficientes. Lembre-se também dos acidentes de trânsito, domésticos e de trabalho. Quantas pessoas já morreram apenas por não terem dormido bem na noite anterior? Milhares. Eu mesmo já perdi um amigo na estrada, cochilou e bateu de frente num ônibus.

Esse post vem com o intuito de fazer vocês se preocuparem mais com o seu ciclo de sono e não minimizarem isso. Brincar de super homem que não dorme pode lhes custar a vida e a saúde, além das coisas que já citei, talvez até divórcio. O fato é que sua personalidade muda pra pior se você não dorme direito.

Então vamos para as recomendações básicas para a HIGIENE DO SONO, caso você queira saber mais, olha no google que vai achar muita coisa:

Tente dormir sempre na mesma hora.
Evite beber café, chás e outras bebidas com cafeína a partir das 17h.
Evite ficar no PC, tablet ou celular na cama com a luz na sua cara. Esse tipo de luz engana o seu cérebro e o faz pensar que você ainda está no período diurno.
Faça exercícios regularmente (de preferência diários) e evite fazê-los até duas horas antes de dormir.
Não faça refeições pesadas na noite, nada de bebidas com gás, muito gordurosas ou com muita proteína, isso vai dificultar bastante o seu sono.
Retire a TV do seu quarto.
Se seu aparelho de ar condicionado ou ventilador estiverem muito barulhentos, faça uma manutenção neles ou troque por outro modelo.
Mantenha o quarto escuro, sem LEDs aparentes, numa temperatura boa (21-23 graus).
Colchão muito mole ou muito duro atrapalham, prefira os médios.

Antes de dormir evite discussões em casa, deixe-as para o outro dia pela manhã.
Prepare sua mente para dormir, um banho quente, uma leve leitura, uma música leve e baixinha de fundo podem ajudar.

Se essas coisas ajudarem, ótimo.
Se você acha que precisa de ajuda para dormir, procure um médico, um neurologista ou até um otorrinolaringologista especializado em sono podem lhe ajudar.

Quem não dorme bem, não vive bem.

Um abraço,
Frugal.

sábado, 4 de maio de 2019

Revisitando as metas anuais antes que seja (muito) tarde.


Estava vendo alguns posts recentes meus e me deparei com aquele velho post das metas do fim do ano. Se você for uma pessoa sagaz, vai perceber que já passaram 4 meses do ano, ou 1/3 do ano, ou 33%.

E falando sobre as metas do ano, como vão as suas?
Vou repetir aqui as minhas e comentar:

Minhas metas para 2019:

-Ir na academia fazer musculação pelo menos 10x/mês. ---- NADA AINDA.
-Perder 12k (um kilo por mês), atualmente estou com 78. -- PERDI APENAS UM.
-Comer e dormir melhor. -- MELHORA CONSIDERÁVEL.
-Ler mais livros e ebooks. -- RUIM.
-Escutar mais podcasts em inglês. -- MELHORA MUITO PEQUENA.
-Escutar mais audiobooks. 
BOA MELHORA, GRAÇAS AO APP UBOOK (escuto no carro)
-Melhorar o meu inglês. NÃO FIZ GRANDES ESFORÇOS, SÓ FILMES LEGENDADOS EM INGLÊS.
-Casar e viajar na lua de mel pelo menos uns 20 dias (não haverá festa, nem jantar). PERTO DO FIM DO ANO.
-Perder menos tempo em redes sociais. OK. Instagram diminuí 90%. Facebook só pra compartilhar notícia positiva.
-Não me envolver em discussões inúteis sobre política/políticos. MELHORA DE 100%.
-Entrar 2020 com renda passiva de 25k/mês somando loja + ativos financeiros. ACREDITO QUE VAI DAR.
-Pagar o imóvel da loja até Julho/19. VAI ATÉ SETEMBRO TALVEZ
-Investir pelo menos 500k da renda do meu trabalho no mercado financeiro. IMPROVÁVEL.
-Lucrar 300k da loja em 2019. ACREDITO QUE VAI DAR.
-Fechar Dezembro/2019 com pelo menos 600k investidos no mercado financeiro. IMPROVÁVEL.
-Fechar 2019 sem absolutamente nenhuma dívida. 99,99% de PROBABILIDADE.

E a de vocês? Bora postar pessoal!


Pelos dados apresentados, tenho muito a melhorar e acredito que o pior já passou.

Sobre as finanças, apareceu muito imprevisto pequeno que somados ficam grandes, e um grande imprevisto (mas nem tanto).

Mas tem a parte boa é que nos próximos 4 meses vou viajar em todos, e em 3 dessas viagens é apenas para lazer, somando todas as viagens vai dar uns 30 dias. É muita pressão ficar na pilha o tempo todo e não ter um bom escape pra mente.

Andei vendo o Bastter System novamente e olha, MELHOROU MUITO aquilo lá, está sensacional o trabalho da equipe do site, vai me ajudar muito a comentar minha carteira por aqui e ilustrar. Pra quem ainda não paga o Bastter Blue mas investe em ações e fiis: A assinatura vale a pena apenas pelo Bastter System, o resto do site é brinde. Indico fortemente esta assinatura e cadastrar os ativos lá, distribuir a alocação e ir seguindo, além disso também ajuda na hora da declaração do imposto de renda e organiza todo o fluxo de caixa a receber de proventos e dividendos.

O meu trabalho vai ficando mais suave esse ano já que a pressão financeira diminuiu um pouco, mas ainda tem a tensão da dívida.

A parte que fiquei para alugar do imóvel foi alugada praticamente em 80%, vou fechar essa semana a parte que falta e conversar com a pessoa que quer alugar. Vai dar R$6500 a mais de receita no negócio.

Acho que só pela dica do Bastter System já valeu o post.

Abraços,
Frugal.

quarta-feira, 1 de maio de 2019

Fechamento Abril/19 R$29300,00


Passei o mês todo sem postar, apesar de ter pensado em várias postagens pra fazer. Vou deixar de preguiça com o blog e postar mais vezes.

Tive muita, muita despesa extra e uma bem chata e inesperada devido a uma parte da obra que infiltrou água e tive que refazer, esse mês está sendo de muitas chuvas aqui no reino do norte.

O resultado operacional da loja melhorou um pouco, além de eu alugar parte do imóvel,que foi desmembrado, me gerando uma pequena receita extra que adicionei aí no resultado geral.

No fechamento de Abril/2018, o resultado da loja foi R$11500,00.
Agora fechamos com R$29300,00, um aumento de 2,54.

O fato do imóvel dar muita manutenção e estar quase sempre com alguma coisa pra fazer é muito irritando e desgastante. A parte elétrica é horrível, as lâmpadas que tentei colocar de LED queimam o tempo todo e tem que ser repostas numa velocidade incrível.

Acredito que fiz a última compra de um ar condicionado por enquanto e essa despesa coloquei junto com o operacional, tudo parcelado no cartão. Acredito que neste mês teremos um resultado muito melhor se a despesa não ficar tão alta.

O resultado foi bastante satisfatório, mas ainda não passou dos 30k que seriam a minha meta ainda para esse primeiro semestre.

O meu carro está dando muito problema e tive que trocar algumas peças, de forma que já gastei 5k e ele ficou mt melhor (isso é 25% do valor dele na tabela FIPE) mas ainda falta trocar uma peça mt importante e cara. Pensei bastante e resolvi passar o meu carro pra frente e fechei a negociação com um carro mt parecido com ele, usado, sedã, grande, potente, econômico e confortável, vou gastar uns 40k nessa troca e mais o frete (virá de outro estado) e será sete anos mais novo que o meu carro atual que é 2007.

Eu passo muito tempo dirigindo e a atualização do pacote de segurança, assim como um sistema de som mt melhor me fizeram mudar de idéia. Segurei mt tempo pra isso e acho que chegou a hora. Já gastei mt dinheiro no som dele, troquei tudo e mesmo assim, está uma porcaria, não que eu seja exigente demais, porém ter um som de 3k e não poder nem aumentar o volume sem escutar distorção é muito chato, até pq eu escuto músicas de muita qualidade e com muitos instrumentos, fica horrível sem um som bom, pra quem gosta de pagode e sertanejo, qualquer som ruim segura.

Eu já meio que desencanei com a dívida sabe, já me tirou mt o sono, mas agora que devo apenas 184k na CEF, me permiti respirar mais um pouco. No começo dessa aventura eu estava bastante ansioso, querendo pagar logo o mais rápido possível, mas agora ficou pra agosto ou setembro, praticamente o fim do ano para mim, já estou dando 2019 como perdido na minha entrada na bolsa, ou se eu entrar vai ser com mt pouco dinheiro, eu pensava em fechar 2019 com pelo menos uns 700k na bolsa mas acho que fui mt otimista.

Muita gente que me devia me pagou esse mês, coisas ainda de 2018 que ficaram pendentes, então fiquei bem mais tranquilo pessoalmente. Apesar desse dinheiro "extra" não vai dar pra dar o abate da dívida pois eu vou usar ele pra ajudar a trocar o carro, então neste mês de Maio, a CEF só vai ver a minha prestação mesmo, sem nenhum aporte extra, que provavelmente virá apenas no mês que vem.

Feriado e eu aqui trabalhando na vida real, também no PC, no fechamento, postando no blog e etc.

Boa semana a todos!
Frugal.