O que importa é o processo.





Hoje estava vendo algumas coisas do meu blog e vi que a postagem mais visitada foi a entitulada "A chegada ao quarto milhão de reais". 

Desconfio, não sei como que muita gente caiu direto nessa postagem sem ser leitor antigo ou relativamente novo no blog, e também por menos de 0,2% dos visitantes deixarem algum comentário eu nunca vou saber, que o pessoal só quer ir direto ao ponto, sem se dar ao trabalho de como tudo aquilo foi feito.

Esse blog já tem 05 anos quase. Quando eu comecei esse blog, meu patrimônio era meu modesto ap quitado, meu carro usado, umas prestações de outro flat em andamento pagas e alguma mixaria em ações no Brasil, o ano era 2015, Dezembro pra ser mais exato.

Fiz esse blog inspirado em muitos outros, de boas pessoas, que voluntariamente doavam o seu preciosíssimo tempo  e seu capital intelectual para ajudar desconhecidos leitores no Brasil e mundo afora, sem receber quase nada ou praticamente nada em troca. Um blog é como se fosse um diário e serve para organizar nossos pensamentos e trocar idéias, catalogar nossa história e imprimir a nossa estrada na web. Eu acho muito legal ter esse blog e espero poder sempre continuar escrevendo.

O que eu acho uma pena, mas não me espanto, é de chegar gente aqui querendo ir direto ao ponto, pegar a receita pronta e sair desapontada. Sinto muito. Se você quiser me entender, ou querer entender qualquer blog, vai ter que começar do começo, do primeiro post ao último, não tem mágica. É trabalhoso? É, mas é assim que funciona mesmo.

As pessoas querem ver a minha foto em Paris, mas não querem me perguntar ou não querem saber o que eu fiz até chegar em Paris, quando na verdade isso é o que mais importa. Lembrem sempre que o destino não é importante, o importante é a viagem, a estrada, o processo. E é por isso que esse blog existe. Você ensina mais com um vídeo do que com uma foto, e o blog é um vídeo longa metragem.

Eu li vários blogs do começo ao fim. Sim. Do primeiro post ao último, o do Mister Money Mustache, o do Viver de Renda, o do ROVER (extinto), o do Pobreta (extinto), o do Viver de Construção (extinto) o do Soul Surfer, Viagem Lenta, Viver de Dividendos (na época que não era vídeo e sim texto), Executivo Investidor (extinto), SRIF365 (extinto) e vários outros.

Eu já disse aqui que a blogosfera é uma excelente comunidade e com boas pessoas, fonte de muito aprendizado e experiência prática, de quem também está na estrada, todos juntos, alguns mais na frente, outros mais atrás, uns mais rápidos e outros mais devagar, porém TODOS juntos, e isso é o que faz essa comunidade valer a pena. Eu sinto muito pelo pessoal que fecha o blog, todos nós perdemos muito com isso. Que bom seria termos postagens ainda de várias dessas pessoas.

Para dar notícias minhas: como todos sabem sou trabalhador na saúde, ainda não adoeci de covid, mas vários colegas sim. Estou trabalhando, sem medo de me contaminar e pra falar a verdade, eu preferia já ter adoecido para já estar provavelmente curado. A loja está fechada. O lucro vai ser praticamente zero e estou enrolando para planilhar o mês passado e o retrasado (na verdade tô fugindo da planilha para não ter raiva).

Fiz muitos aportes na bolsa brasileira nos últimos dois meses e estou me aproximando dos R$500 mil reais investidos lá com as recentes altas. Eu entrei numa época muito boa, peguei muita ação barata. Comprei IRB abaixo de R$7, comprei BBAS a 25, comprei ITAÚSA a R$9, Cogna a R$4 e mais algumas outras. Depois atualizo aqui. Minha carteira no total subiu 20% esse ano, incluindo stocks e ETFs.

O mundo dá muitas voltas, eu tive excelentes notícias no trabalho (o que inclui um reajuste importante no meu contrato principal de mais de 30%), isso vai me possibilitar ganhar a mais quase 8k por mês mantendo o mesmo ritmo de trabalho, ou quase R$100k a mais por ano.

Hoje em dia já estou bastante satisfeito com o meu conhecimento em Finanças e acho que atingi um platô. Não tem muito o que inventar. Não quer mexer com opções, day trade, venda coberta ou swing trade.

Como os meus aportes tendem a subir bastante esse ano no segundo semestre e ano que vem, vou focar mais em ações mais estáveis, boas pagadores de dividendos (porém sólidas), fundos imobiliários e ETFs no exterior. Chegou a hora de investir em ativos que gerem fluxo de caixa (pensando em aumentar bancos e fiis), isso está mentalmente me incomodando e me fazendo falta, pois apesar de atualmente já ter um patrimônio alto, só tenho fluxo de caixa da loja, que minguou.

Meu objetivo final é atingir R$20k de renda passiva mensal, e considerando um cenário ruim onde alugo o imóvel por R$12k, e mais R$8k de renda de ativos financeiros, eu diria que já estou bem perto, e que em até 18 meses é bem capaz de eu conseguir essa renda de 8k mensais do mercado financeiro, considerando uma base anual que dê 96k de fluxo de caixa, mas isso seria a partir de 2022.

Ainda não sei o que farei depois disso, mas com certeza vou estudar diminuir o ritmo de trabalho, investir o resto no exterior, me mudar de cidade ou de país e por aí vai. Não adianta fazer planos muito longos pois a frustração é quase certa. Aprendi isso dando muita cabeçada na parede e quebrando a cara, não que tenha sido fonte de sofrimento, mas sim de aprendizado.

Atingido isso, posso vender a loja, ou alugar, arrendar, arrumar um sócio, enfim, fazer algum arranjo que continue me dando um fluxo mensal com pouco ou nenhum trabalho. Não me importo e nem me apego a isso, por mim, um aluguel de 12k do imóvel e mais um arrendamento de 10k mensal estaria de bom tamanho, embora bem menos lucrativo, mas a paz cobra o seu preço.

O desafio atual é sobreviver o negócio ao vírus chinês e acho que vou sobreviver sem precisar tirar dinheiro de fora da empresa para colocar nela, o que me deixaria muito contrariado de certa forma. O início foi um processo muito traumático, caro e dispendioso para mim. Não quero passar por isso mais nunca. Esse tipo de negócio que você coloca um caminhão de dinheiro dentro e depois tem que ficar remando dois anos só pra empatar não é para qualquer um, isso se tudo der certo.

2020 está sendo um ano difícil para todos nós, sem exceções, mas vamos sair mais fortes! 

Um abraço a todos e vamos torcer pra essa tempestade passar logo.

Frugal.

P.S.: Dica de vídeo no youtube, essa série: 
https://www.youtube.com/watch?v=zsC3u2861C4

Comentários

  1. Sou leitor em silêncio do seu blog faz algum bom tempo.

    Continue assim! acho que você é um dos poucos que traz algo diferente de todo mundo para a mesa.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Frugal, ano perdido. Não fosse um contrato que fechei em Janeiro, estaria lascado... Rsss
    Mas tudo passa. If you are going trough hell, keep going!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você já tá voando amigo! Mt coisa desse ano vai acumular pro próximo e os retornos lá serão muito bons, quem viver verá! Abraço!

      Excluir
  3. "Hoje em dia já estou bastante satisfeito com o meu conhecimento em Finanças e acho que atingi um platô. Não tem muito o que inventar."

    Perfeito, tenho pra mim que investir não é muito complexo, a parte realmente complicada é a emocional. Dinheiro nos faz cair em vieses cognitivos difíceis de evitar. Tendo um bom aporte e fazendo o feijão com arroz dá pra ir bem longe, sem ter que inventar moda.

    Afinal a simplicidade é o ápice da sofisticação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mendigo, temos que ter paciência e esperar a passagem do tempo. Não tem jeito. É disciplina, foco, confiança e espera. O tempo se encarrega do resto.

      Excluir
  4. Aqui a mesma coisa... qdo postei o patrimônio apareceu um monte de views. Retirei na hora. Agora só ponho porcentagens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O afegão médio do Brasil só quer ver números, é triste.

      Excluir
  5. Ótimo post Frugal. Muito interessante você ter falado no "Platô" ou no " Não tem muito oque inventar".

    Ultimamente tenho estudado história de grandes empresários brasileiros desde o século 19 passando por Barão de Mauá, Francisco Matarazzo, até nos dias de hoje com JP Lemann, Mário Gazin, Luciano Hang.. E percebi uma coisa interessante nesses caras que fazem eles viverem com propósito. Ambos nunca tiveram ambição por dinheiro e sim por fazer diferença no mundo, gerar empregos, levar a sua marca.

    Barão mesmo falou algo do tipo " Eu não vejo motivo de ter dinheiro, a não ser que seja para ser implementado a algum empreendimento"

    Eu acho que esse é um erro de muitos que pensam em IF, querem o dinheiro só para eles, não querem compartilhar com o mundo.

    Muitos querem ter a renda passiva para sentar na cadeira e beber agua de coco. Não que isso seja errado, mas me parece, que é uma receita para o fracasso, depressão, frustração, vicios.

    Então eu vejo esses empreendedores, caras de 60 , 70,80 anos trabalhando, ativos, inteligentes e não tendo nenhum vestigio de depressão. Enquanto outros que resolver guardar o dinheiro só para eles, caindo em desgraça mental.

    Enfim, é só uma reflexão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre ouço isso , mas apenas de apenas de pessoas que já tem muito dinheiro.

      Excluir
    2. Meu caro, se você tem ações o seu dinheiro também está "implementado a algum empreendimento" e gerando empregos. Você só abriu mão da responsabilidade e dor de cabeça de administrar isso e gerou mais um emprego pro administrador.

      E se está na renda fixa, mesmo que esse crédito vire consumo ele também está sustentando empresas que geram empregos.

      Excluir
    3. Eu admiro muito esses caras, mas não sei se vou ter esse perfil, ficar lidando todo dia com inimigos internos e externos é muito desgastante. É chato ver pessoas querendo se dar bem a todo custo passando por cima das outras, fazendo corpo mole ou mesmo roubando. O outro lado, a parte de gerar empregos, é muito boa também, contribuir um pouco com a sociedade de forma mais direta, depende muito da personalidade da pessoa. É uma coisa que ainda vou aprender sobre mim com o passar do tempo.

      Excluir
  6. Você é fera!!! Seus posts agrega muito conhecimento.

    ResponderExcluir
  7. Grande Frugal.

    Leio seu blog já tem um bom tempo, li ele inteiro inclusive, e você foi uma das fontes decisivas de inspiração para que eu abrisse meu blog e iniciasse essa jornada rumo à IF. Você atingiu um patamar invejável (no bom sentido, é claro), mas quem leu seus textos sabe muito bem o quanto você ralou pra chegar onde está.

    Só posso te parabenizar e agradecer pelos seus textos que tanto contribuem à essa comunidade.

    Abraço!

    https://engenheirotardio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Engenheiro, continue postando. Escrever é sempre bom. Tenha compromisso com vc mesmo e escreva para se conhecer melhor. Quando tiver um bom número de postagens e frequencia me avise aqui pra eu colocar vc no blogroll. Um abraço!

      Excluir
  8. Concordo com tudo que expôs, Frugal. Fico muito feliz por você estar bem de saúde e as finanças andarem bem.

    Como você é frugal, acredito que com o patrimônio acumulado e a situação de risco profissional que se encontra, é um bom momento pra refletir uma desaceleração nas horas trabalhadas.

    Já li muitos blogs também de cabo a rabo, é um excelente aprendizado e dá para notar o perfil da pessoa, a evolução e a maturidade dela (especialmente para os blogs que tem mais de 2 ou 3 anos de publicações).

    Obrigado pela dica da série no YouTube, vi o 1º episódio e achei bem interessante. Pretendo assistir aos demais.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa AC, olha, de certa forma essas horas estão com os meses contados. A partir de 2022 vou diminuir bem, pelo menos o que der da minha renda passiva até lá. Acredito que em 2022 vou receber R$100 mil de renda passiva dos investimentos, e aí vou deixar de trabalhar pra fazer esses 100 mil. Já vai ser uma folga e tanto! Um abraço!

      Excluir
  9. Continue apenas, adoro suas postagens !

    ResponderExcluir
  10. Frugal,

    Seus posts são sempre inspiradores e sinceros.

    Abraços,








    ResponderExcluir
  11. Olá Frugal,

    Assisti o filme Parasita recentemente e ele tem uma frase poderosíssima!

    - Se eu não faço planos, nada pode dar errado!

    Fica a dica de filme se não o assistiu rs

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Inglês, assisti sim.
      Eu não gostei tanto desse filme ao ponto dele render o Oscar.
      Pra mim o melhor filme do ano passado foi Ford x Ferrari, o Cristian Bale está merecendo um Oscar faz tempo, ele poderia ter ganho desde a época de "O grande truque". A história real e principalmente a história do Ken Miles é que é sensacional (fui ler na wikipedia depois).

      O plano é ir se acertando ao longo do tempo para atingir o plano maior. Se eu tivesse investido tudo em SP500 mandando dólar todo mes pra fora desde sempre eu estaria mt melhor, ou simplesmente colocando 100% da minha renda em fiis, enfim a gente se enrola mas depois se acerta. Abraço!

      Excluir
  12. Frugal, parabéns por tudo que tem feito por você e pela finansfera, como leitor assíduo do seu blog, assim como de muitos colegas aqui presente! Faço do seu pensamento como o meu, leio todos os posts da turma, desde lá no começo, pois é isso que vai nos agregar, vai nos balizar lições de mundo preciosas!

    Espero no futuro poder contribuir com textos tão bons como os seus! Estou no processo de começar...

    E sobre o seu post da chegada ao quarto milhão, a palavra "inspirador" é pouco para ele, tu é grande, meu caro! Todo sucesso do mundo a ti!

    Ah, até fiz um post sobre... ou melhor, copiei parte dele! (Com os devidos créditos, claro!)

    https://onefmillion.blogspot.com/2020/03/seja-frugal-seja-simples.html

    Abraços, bro! E lembre-se, seja frugal, seja simples ;)

    ResponderExcluir
  13. Seus posts são excelentes, acompanho a pouco tempo e estou lendo todos! Uma pena ter sido extinto alguns blogs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É torcer para virem novos bons blogs, aqui tá sempre chegando gente nova, leitores e blogueiros. Quem posta com consistência eu vou deixando no meu blogroll e indico a leitura. Abraço!

      Excluir
  14. Frugal, leio seu blog desde 2016 e é muito bacana ver sua evoluçao! É muito verdade isso que você falou, que muitos vêem o seu resultado final mas ninguém quer saber do processo. O post do 4o milhao é muito inspirador, também me inspirei nele pra escrever sobre minha década no escritório. :) Parabéns pela jornada! Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SS, os seus também são mt inspiradores, assim como a sua história. Mt bom ter colocado tudo lá, as pessoas precisam saber que é possível. Espero até o final do ano colocar o post do quinto milhão.
      Um abraço!

      Excluir
  15. Fala Frugal! Parabéns por esse magnífico post, só posso desejar força para todos nós, estamos ferrados nas mãos de quem tem o poder para nos chupinhar até o fim de nossos dias. Ter uma vida digna, com bem estar e saúde, jogando o jogo, é uma vitória épica sobre eles. Um forte abraço, e força, parceiro! Não podemos perder a fé para seguir em frente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso Silesi, vencer independentemente dos poderosos é a melhor forma de ganhar no jogo da vida. A pior fase do vírus chinês já passou, agora as coisas irão melhorar com certeza. Um abraço! Força!!

      Excluir
  16. Oi Frugal! Para mim foi uma benção ter encontrado seu blog. Pra falar a verdade, nem me lembro como foi. Mas eu sempre acesso para ver se tem post novo. Existem alguns que já li mais de 2 ou 3x. A sua força mental, confiança em si, capacidade e otimismo são contagiantes! E li seu blog todinho :).
    Os blogs extintos são de pessoas que já chegaram na IF? Se sim, queria fazer um pedido (talvez pretensioso de minha parte): quando vc chegar onde deseja, não abandone aqui, por favor? Um forte abraço!
    Lil@

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lila!
      A maioria dos blogs era sim. Uma pena. Eu não tenho a menor pretensão de sair, essa semana vou colocar posts novos. Eu ainda estou longe de chegar onde quero, mas não vou sair, mt pelo contrário. Um abraço!

      Excluir
  17. Sem dúvidas, o processo é o mais importante, contudo o menos valorizado. Resultado desse imediatismo atual de querer tudo pra ontem, de querer 5 passos pra isso, 5 passos pra aquilo em 10 em dias... Algumas pessoas, ou talvez grande parte da população, não se deu conta do quanto está alienada.
    O não querer passar pelo processo, inclui-se em não querer aprender.
    Posso estar sendo catastrófico, mas 90% das pessoas hoje no Brasil vive em modo "zumbi", não pensam por si, vivem num ciclo de aprovação em rede social, que não conseguem ver seu tempo se esvair.
    Triste realidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. IS, a maioria é perdedora. A gente tem que vencer individualmente. No Brasil e nos países subdesenvolvidos as pessoas não tem educação para vencer na vida, ou valores, ou objetivos, nada. É apenas um dia após o outro. Não existe educação em casa e nem na escola. São poucas as pessoas que se salvam do lamaçal. As redes sociais só evidenciam isso.

      Abraço!

      Excluir
  18. Olá, Frugal! Tudo bem?

    Tendo em vista o patrimônio que já tem lá fora, especialmente em virtude do fato de ter adotado os ETFs de acumulação irlandeses, não pensa em abrir uma offshore?

    Sucesso!

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá MI! Já pensei muito sobre isso mas quando fui ver os custos fixos desanimei. Quem sabe um dia nos próximos dez anos, mas com certeza é uma boa mesmo, quem sabe quando eu tiver ganhando um bom dinheiro de forma passiva. Estou precisando de fluxo de caixa passivo para ver isso. Abraçao!

      Excluir
    2. Frugal, em breve, atingirei o limite de ativos nos EUA que posso ter para não pagar imposto sobre herança. Daí, já estou procurando planos para contornar o problema, já que, a meu ver, não faria sentido perder tanto dinheiro que foi durante conquistado para a Receita estadunidense, ainda mais em Dólar, quando nossa fonte de renda é em moeda fraca.

      Este post (https://www.aposentecedo.com/2020/06/offshore-para-investir-no-exterior.html) do Aposente Cedo me ajudou a clarear questões atinentes à offshore.

      Acho que em algum momento, terei que abrir uma, pois os ETFs irlandeses não resolvem o problema do imposto sobre herança. Outra alternativa seria aplicar em ativos estrangeiros, via BDRs, mas você continuaria com o capital no Brasil.

      Sucesso!

      Abraço.

      Excluir
    3. Pesquisando, notei que dá para abrir e manter offshore com valores inferiores aos que costumeiramente são divulgados na Internet.

      Excluir
    4. MT bom MI. Vou acompanhar seus posts para descobrir mais a respeito disso.

      O investimento em ativos sediados na Irlanda não leva aquela taxação de 40% dos EUA não. Não sei como é a tributação lá em casa de morte, mas com certeza é bem menos que isso.

      Essas off shores eu achei todas com mais de 1300 U$ de anuidade. É muito dinheiro infelizmente.

      Excluir
  19. Muito bom Frugal... Cara isso é interessante, eu tenho o blog também a um tempão e 'infelizmente' ainda não cheguei no seu nível de patrimônio, meus passos são mais curtos, mas estou evoluindo no meu ritmo e tenho boa partes dos meus perrengues registrados para chegar na casa dos 600k, mas ninguém quer saber como deve ser caminhada, todos realmente só querem chegar logo no destino/objetivo.
    Outro ponto que você comentou no seu post, olhei hoje meu blogroll, parece um cemitério, muitos e muitos blogs sem atualizar a muito tempo. Eu inclusive diminui muito o movimento no meu blog e as consultas a finansfera, acho que consegui o conhecimento necessário para manter minhas estratégia simples de investimentos algo similar ao que você retratou como platô!
    Enfim um tempo atrás eu tentei compartilhar um pouco do que eu aprendi com algumas pessoas, mas ninguém quer se esforçar e ter paciência, 99,98% procuram a dica quente do momento para ganhar dinheiro rápido, então desisti de falar sobre investimentos com as pessoas.

    ResponderExcluir
  20. Se, por acaso, tiver interesse em participar de um grupo de WhatsApp de pessoas em busca do FIRE ou já aposentados, mande mensagem para menteinvestidoragyn@gmail.com

    Será um prazer tê-lo conosco.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo convite MI, mas já estou em tantos grupos, da loja, da franqueadora, do trabalho, familia, amigos, facul, amigos da rua, etc etc... investimento só estou em dois, mas mesmo assim participo pouco. Um abraço!

      Excluir
  21. Frugal, acompanho os teus posts, muito aprendizado bacana. Espero que você continue compartilhando conhecimento e os aprendizados de vida. Valeu!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A chegada ao quarto milhão de reais (ou quase um milhão de dólares).

E se eu morrer hoje?