Translate

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Como lidar com o pânico na bolsa?

NÃO FAÇA NADA!

Primeiramente, NÃO FAÇA NADA!

NÃO COMPRE NADA!
NÃO VENDA NADA!

Desligue seu PC, tire seu celular da internet e vá ler livros, vá caminhar, vá ver um filme.

ESQUEÇA AS NOTÍCIAS!

Você nunca vai saber o que os jornalistas querem, quem paga a eles, quais os grandes investidores e fundos que estão por trás disso.

O Brasil é um mercado muito pequeno e muito fácil de ser manipulado, essa que é a verdade, não todo dia e toda hora, mas em dias como esses é um mercado facilmente manipulado.

Se você é um investidor consciente, estudado, que já sabe o que faz, não vai ficar nervoso e nem nada hoje.

Já saiu o anual de várias empresas (inclusive vou começar a fazer o post delas) e muitas vieram muito bem, como por exemplo M. Dias Branco e ENGIE, empresas muito boas e muito bem administradas, excelentes para ser sócio, então por que raios a M. Dias Branco iria cair 15% num dia? O povo vai parar de comer biscoito e macarrão? Certamente não.

O investidor inteligente sabe que nesses momentos é melhor não fazer nada, pois a volatilidade está muito grande, tudo pode ter caído e pode cair ainda mais.

Nada impede que algo que caiu 10% ontem, caia mais 20% hoje.

Esse é o dia pessoal, que chamamos de Cisne Negro, quando ele vem abala tudo.

Eu tinha feito esse outro post aqui falando sobre o ano de 2015, quando a minha rentabilidade total foi de -15% e fiquei R$ -100mil em queda do meu patrimônio na bovespa, confira o post e veja o que aconteceu depois:
https://frugalsimples.blogspot.com.br/2017/03/e-bom-ver-bolsa-de-valores-do-brasil.html

Preciso lhes lembrar que as cotações no longo prazo vão seguir os lucros e a boa administração das empresas, e não quem é o presidente ou deixa de ser. Se você está investindo para os próximos 40-50 anos, de que importa quem vai ser o presidente hoje ou quem não vai ser? Daqui pra lá vão passar 8-10 presidentes no poder e você não pode ficar maluco com cada um deles, inclusive pra isso serve a diversificação no exterior.

É por essas e outras que já quase 10% do meu patrimônio está em dólar e no exterior, pois como vimos ontem, o Brasil não é pra amadores. O dólar subiu de 3,10 para 3,40 num único dia, o que é chato pra caramba pra quem queria viajar ou queria comprar algo em dólar.

FOCA NO BALANÇO

Eu posso ter "perdido" um dinheiro em valor de mercado aqui no Brasil da minha carteira (e sim eu conferi e foi -R$84 mil somente ontem, isso foi como um exercício teórico). Na verdade, EU NÃO PERDI NADA, VOCÊ SÓ PERDE SE VENDER! Se todo mundo tinha a ação do Banco do Brasil a R$35 reais e caiu pra 26 ontem, TODO MUNDO AGORA TEM A AÇÃO NO MESMO PREÇO! Já parou pra pensar nisso? O que você acha que o DONO de uma grande empresa como Grendene ou Graziottin faz quando a ação dele desaba? Considerando que eles têm 20-30% da empresa INTEIRA?

Isso mesmo, ELES NÃO FAZEM NADA! Eles sabem o valor do negócio e deixam o mercado lá brigando sozinho. Então por que você deveria fazer diferente deles se você TAMBÉM É SÓCIO?


Por outro lado ganhei na valorização em dólar do meu portfolio no exterior, compensando parcialmente a volatilidade do câmbio. Ter moedas fortes e empresas no exterior TAMBÉM funciona como um Hedge cambial e acionário. E é por isso que defendo essa estratégia aqui no blog. Agora imagina quando ficar em 50% no exterior e 50% aqui, vou ficar MUITO mais protegido do risco Brasil, no que tange à volatilidade da carteira (e possivelmente com um retorno menor).

Vejam nesse post os motivos que me levaram a investir lá fora:
https://frugalsimples.blogspot.com.br/2017/03/investindo-no-mercado-global.html

Reflitam.

O Buy and hold parece ser uma estratégia difícil mas não é, precisa apenas ter paciência, não se emocionar, ficar tranquilo com a alta volatilidade (do Brasil) e estudar os balanços das suas empresas.

Essa tal de crise política vai passar uma hora ou outra, os mercados vão ficar em calma, as empresas boas terão suas cotações subindo e continuarão entregando bons resultados para os seus acionistas. Se você não fez NADA ontem, PARABÉNS! Aproveite e não faça nada hoje também, e se brincar não faça nada na semana que vem.

Verdadeiras fortunas estão trocando de mãos nesses dias. Certifique-se de que ninguém vai levar seus ativos, suas ações e suas economias que você juntou com muito trabalho para sua aposentadoria lá na frente.

Grande abraço,
Frugal.


14 comentários:

  1. Olá FS,
    Eu não olhei a minha carteira, mas acredito que caiu mais de 10%. As empresas continuam boas e é isso que importa. Vi que quem opera através de notícias só se ferra. Nunca vi tanta euforia como ontem.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é Cowboy, eu escutei o áudio do Temer, basicamente não tinha mt coisa que a mídia disse que tinha, fizeram tempestade num copo dágua.

      Excluir
  2. só pode mexer com ações aquele que olha para o longo prazo. se ficar acompanhando o desempenho delas no dia-a-dia acaba ficando maluco. hoje tenho todos os meus investimentos em fundo di,cdb de bancos medios e tesouro ipca. acho que ainda está compensando. o que você recomenda para aqueles que não conhecem direito ações? entrar nesse mundo por meio de ETF?

    ResponderExcluir
  3. Opa Milionario, blz?

    ETF pode ser uma boa sim pra começar no Brasil, principalmente o PIBB11. Mas recomendo mesmo, se quiser entrar em ações que estude análise fundamentalista e aprenda a analisar empresas, não precisa ser muito aprofundado, basta saber os conceitos fundamentalistas e comprar empresas boas, e depois disso acompanhar os balanços anuais delas.

    O que eu fiz dar uma estudada geral em umas 30 empresas que achei mais viáveis, e depois ia estudando duas delas por mês e comprando duas por mês, por exemplo, num mês vc estuda Itaú e Ambev (vai no RI deles e baixa o release anual, o último e dá uma lida), os quadros do bastter.com também ajudam, assim como os do site fundamentus.

    Esqueça casa de análise ou indicação de corretora. Monta sua carteira e estuda empresa por empresa. Dá um trabalhinho no começo, mas depois fica no automático. Outra coisa, só invista em ações pro prazo infinito, um dinheiro que vc não vai precisar nos próximos anos.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Olá FS!

    Chato? Muito chato cara! Estava programada a compra de dólares para o dia 22! Agora o jeito é adiar...

    Paciência..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ingles, pelos meus ultimos cálculos o preço justo era R$3,35.
      Comprando a R$3,40 não está ruim não.
      Na verdade o real estava hiper-apreciado frente ao dólar e corrigiu agora.

      Vc viu como é que faz esse cálculo não é? Eu fiz um post sobre ele, utilizando Mises.

      Abraço!

      Excluir
    2. Olá Frugal,

      Vou ver seu post. É que é melhor comprar dólar com o real hiper apreciado hehehe...

      Abraço!

      Excluir
  5. Nesses momentos de doidera é que você deve prestar mais atenção ainda aos grandes exemplos que temos.

    Vi um vídeo ontem de um analista de alguma corretora aí (realmente não fiz questão de saber quem era) falando com o Luiz Barsi por telefone.

    O véio tava doido! Mas doido de felicidade! Quem opera com os pés no chão, baseado em fundamentos, encarou o dia de ontem como uma rua esburacada, não a queda do precipício...

    Me coçou a mão pra comprar alguma coisa com um saldo que eu tinha na corretora, mas acabei me segurando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Wannabe!
      Eu estava querendo comprar a M. Dias Branco pq é minha próxima compra pela sequencia do Bastter System. Mas não tinha dinheiro na conta ontem, e além disso os múltiplos da empresa, mesmo com desconto continuam subindo muito, uma eventual pequena queda não muda nada, veja o V /VPA, é irrisório, ainda mais quem compra de pouquinho para o longo prazo. Abraço!!

      Excluir
  6. Melhor comentário de todos: "ESQUEÇA AS NOTÍCIAS!". Quem se guia por elas está fadado ao fracasso. Na maioria das vezes as notícias são tendenciosas e se não fizer um filtro, já era. No começo, por muitas vezes, minhas análises estavam corretas, mas deixei-me influenciar pelo noticiário ou por alguma matéria e deixei de ganhar dinheiro. Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. FB, o negócio é o seguinte: Jornalista tem família. Tem contas a pagar. Tudo isso começou no Globo ontem, vc acha mesmo que tudo isso não pode ter a ver com manipulação do mercado via notícia?

      Tem um livro que se chama "Por que saí do Goldman Sachs". E nele o autor fala muitas das picaretagens dos caras.

      A gente nunca vai saber o que os diretores dos grandes bancos estão fazendo, e sim eles usam política, jornalistas e mídia para mover fortunas. Os caras quebram países inteiros e não estão nem aí, contanto que o bônus seja alto. Ontem o maior movimento foi de estrangeiros fechando suas posições.

      abraço!

      Excluir
  7. Por enquanto não tenho ações, mas fiquei "me coçando" para injetar uns R$ 20 mil na bolsa ontem. Entretanto meus estudos das empresas ainda não está completo (embora tenha algumas que estou namorando) e achei que os preços não despencaram tanto assim, uma vez que o mercado vem numa tendência de alta muito forte.

    Pelo menos as empresas que monitorei as cotações chegaram ontem a níveis de final de abril/começo de maio. Nada que possa ser considerado uma GRANDE oportunidade. Quem comprou ações em 2015 e 2016 pegou oportunidades muito melhores que esse Circuit Breaker.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Ministro, tem várias coisas no seu pensamento que ainda devem ser trabalhas.
    Na bolsa ou vc é sócio ou vc faz trade.
    No caso ontem vc querer colocar 20 mil de uma vez, é um trade que vc quer fazer, tem que ter estudo de trade e estratégia de trade.

    O mercado vem numa tendência de alta forte, mas os múltiplos das empresas estão normais, ou seja, teve apenas uma leve correção nos preços dos ativos, os balanços estão vindo bons, e as empresas mais saudáveis e com mais dinheiro lógico que as cotações iriam aumentar naturalmente. Cuidado com essa palavra "oportunidade". Você não pode querer que um preço em 2015 seja igual ao preço em 2017, as empresas mudam, ganham ou perdem dinheiro e mercado em dois anos e muita coisa pode acontecer.

    Comprar uma empresa com caixa zerado em 2015 por 10 reais e comprar ela com caixa de 300 milhões em 2017 por 20 reais podem ser duas coisas totalmente diferentes, inclusive ela pode estar mais "barata" custando 20 reais do que 10 reais. O preço é apenas um de uma dezena de dados que você tem que analisar. Análise de empresa é arte.


    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa colocação Frugal!

      Na verdade esses R$ 20 mil já estão separados para eu colocar na Bolsa, só não investi ainda por que estou estudando as melhores empresas, justamente nesse conceito de longo prazo.

      Nos meus estudos já formei uma certa tendência de investir em 5 empresas que considerei sólidas (tratarei disso no meu Blog oportunamente), por isso fiquei tentado a entrar nelas ontem, pois suas ações tiveram quedas significativas, por isso a "oportunidade". Mas preferi segurar as pontas e só entrar quando eu estiver 100% seguro disso.

      E de fato, não adianta eu ter a ilusão que os preços vão voltar ao que era em 2015, mas acredito que a tendência de alta vai dar uma freada!

      Abraços!

      Excluir