Translate

domingo, 19 de março de 2017

Como você vai atingir a sua liberdade financeira

Olá amigos,
Inicio o meu domingo escrevendo aqui no blog, geralmente estou mais pensativo neste dia ou no final dele e fico bem mais disposto. No último post um leitor me perguntou quando eu iria atingir a IF, eu calculei oito anos, acho que é mais ou menos isso. Começando em 2009 e terminando a estrada em 2024, dão 15 anos de trabalho, poupança e aportes, parece muito mas agora só faltam oito anos, me parece pouco, estarei aos 39 anos de idade. Claro que isso é apenas uma projeção e está sujeita a alguns fatores externos que podem atrapalhar, mas a matemática não mente. Vou relatar aqui um pouco do planejamento futuro.
Depois de mais algumas leituras achei melhor substituir o termo “independência financeira” por “liberdade financeira”, por uma questão de semântica e de linguística e que funciona de verdade.
Primeiro assuma uma coisa: A sua liberdade financeira é diretamente proporcional à sua taxa de poupança mensal, é o que eu chamo de TAC (taxa de acumulação do capital). Se você ganha R$ 10.000,00 por mês e investe R$2500,00 sua TAC é 25%.
O quanto você consegue acumular É O PRINCIPAL FATOR DA SUA LF, e não as taxas que vai ganhar de retorno nos investimentos. Simples. Atualmente mudei meu mindset e meu lifestyle para uma TAC de quase 70% (ano passado era uns 50%) e pretendo aumentar ela ainda um pouco mais ano que vem.  Então uma das primeiras coisas que você deve se preocupar é em aumentar a sua TAC. Vou resumir melhor aqui pra você.
Assumindo que você paga um aluguel barato ou tem moradia quitada, que não tem carro financiado ou não paga nenhum tipo de financiamento, e que esse dinheiro da renda vai servir apenas para pagar as suas contas básicas e sem luxo, esses serão os anos que vão passar até você ser LIVRE. Depois vou fazer um post falando sobre a Taxa Segura de Retirada (TSR), que tem a ver com isso aqui.
TAC (%)     >>>>>>>   Anos para a liberdade financeira
5               >>>>>>> 66
10             >>>>>>> 51
15             >>>>>>> 43
20             >>>>>>> 37
25             >>>>>>> 32
30             >>>>>>> 28
35             >>>>>>> 25
40             >>>>>>> 22
45             >>>>>>>19
50             >>>>>>>17
55             >>>>>>>14,5
60             >>>>>>>12,5
65             >>>>>>>10,5
70             >>>>>>>8,5
75             >>>>>>>7
80             >>>>>>>5,5
85             >>>>>>>4
A matemática toda está aí acima, se engana quem quiser. Nessa hora temos que ser PRÁTICOS. Fico pensando nos tais “especialistas em finanças” da mídia que mandam você juntar 10% da sua renda pra aposentadoria, com certeza é melhor do que nada, mas é muito, muito pouco, juntar 10% do que ganha e esperar 51 anos pra poder se aposentar é dose. Será que ainda vou estar vivo? 51 anos de espera? Esse pessoal tá de brincadeira, por que não falam logo a real? Daqui pra lá o INSS já vai ter explodido.
Eu prefiro concentrar logo tudo agora enquanto sou novo e posso aguentar muita porrada de tudo que é lado (mudança de cidades, desemprego, baixas de salário, perda de contratos, aumento da concorrência, piora do mercado de trabalho ou do país em si) não tenho filhos, nem netos, nem doenças, nem nada, daqui a 20 anos eu posso ter tudo isso e daí pra juntar 10% do que eu ganho pode ficar bem difícil.
Foque na TAC. Eu vou bater aqui nessa tecla muitas vezes.
A TAC é a ALMA DO NEGÓCIO!
Eu devo muito ao Mr. Money Mustache, apesar da resistência inicial grandiosa a todo o blog dele e o que ele professava, hoje, mais maduro vejo que ele sempre esteve correto, eu acompanho o blog dele faz uns 3 anos mais ou menos, e muitas discussões homéricas no fórum.
A principal lição que ele falou e que eu anotei numa folha de papel oficio bem grande em letras garrafais foi isso:
SE VOCÊ PUDER ACUMULAR 25x O SEU GASTO ANUAL SERÁ O SUFICIENTE PARA A LF.
Ou seja, em contas de padeiro, se você GASTA R$5000,00 por mês para viver, gasta R$60.000 por ano x 25 = 1.500.000,00 (1 milhão e 500 mil) será o suficiente para a sua LF, eternamente. Isso já envolve o conceito de TSR que falei acima, pois você tem que reinvestir uma parte dos rendimentos para compensar a inflação que vai corroer o principal.
Um milhão e quinhentos mil reais investidos, vamos lá:
Legal, Frugal, mas de onde vai vir esse dinheiro todo?
Do seu trabalho né, oras.
ESTUDE, TRABALHE, PRODUZA, VENDA ALGO, ECONOMIZE COM VOCÊ (cada centavo economizado é um centavo ganho).
GERE DINHEIRO E RIQUEZA.
Dinheiro não se ganha investindo e sim trabalhando.
Investir só serve para rentabilizar UM POUCO o seu capital que você ganhou e acumulou TRABALHANDO.
Vamos aos exemplos numéricos de como seria essa LF de 1,5 milhão para quem gasta R$ 5 mil por mês, de acordo com as taxas mensais e os ativos investidos.
1% ao mês: (maioria das Renda Fixa no Brasil, valor atual) = R$15 mil reais de rendimentos, gasta R$5000,00 e reinveste os R$10.000,00 (pra repor a inflação, dinheiro que cresce de inflação não é lucro é apenas reposição.) – Vai ter um pouco de impostos ainda, vou desconsiderar, e também custódia da bovespa e da sua corretora.
0,85% ao mês: (média de um pool de fundos imobiliários) = R$ 12750,00 livres de imposto de renda para Pessoa Física (até quando ninguém sabe – a tendência é o governo brasileiro taxar isso aí). Gasta R$5000,00 e reinveste R$7250,00.
0,75% média da poupança ao mês (claro que tem coisa muito melhor do que poupança como seria a própria LFT do Tesouro Direto) = R$11250,00. Gasta R$5000,00 e reinveste R$ 6250,00.
0,35% a 0,45% ao mês ou pouco menos: = R$ 6300,00 – 7000 NTNB com cupom semestral (2050). Aqui você NÃO PRECISA REINVESTIR NADA! (embora seja prudente reinvestir), pois os títulos são corrigidos todo ano pelo IPCA, então os cupons já são os juros pra você gastar preservando o valor do principal, considere que vai dar uns 5,0 – 5,5% ao ano no máximo pois tem a custódia (0,3%) da bovespa e mais a da sua corretora (na minha, a Rico é de 0,1% no momento). Essa foi a estratégia utilizada pelo VIVER DE RENDA, blogueiro-lenda do Brasil e que está aqui nos meus links. O blog dele é excelente e aprendo muito lá.
Ações: Imprevisível o yield mensal, pra liberdade financeira o tanto de dinheiro em ações pelas minhas contas dobra, iria para 2,5 – 3,0 milhões para um yield mensal médio de 0,5% (mas para atingir esse yield mensal médio desses teria que investir em muitas empresas que pagam dividendos, que nem sempre são boas). Embora ações paguem menos todo mês, elas são o que tem o potencial maior de aumentar o seu preço na cotação e aí você vê o valor do seu patrimônio aumentar muito, podendo ter um ganho extra por causa disso, o que é praticamente impossível de acontecer na renda fixa ou em fundos imobiliários que tendem somente a empatar com a inflação na correção do principal. Outra coisa importante é que ações são no longo prazo o que melhor lhe protege da inflação, e como estamos no Brasil que vira e mexe a inflação dispara é melhor estar bem posicionado em ações para ficar melhor protegido.
Claro que numa estratégia mais madura para liberdade financeira você vai ter que comprar um pouco de cada: renda fixa, ações e fundo imobiliário, além ainda de alguma coisa no exterior e em outras moedas para proteção patrimonial e cambial, isso é secundário mas é importante. Eu queria chegar num yield médio de pelo menos uns 0,65% considerando ações, renda fixa e fundo imobiliário (depois vou ver mais ou menos como faria pra chegar e me manter nisso aí, provavelmente é algo que tem que ser reajustado todo mês comprando o ativo do grupo que mais vai me impulsionar pra perto dessa meta).
Eu só quero que você perceba o FUNDAMENTAL nisso tudo que é a TAC. A TAC é soberana. Anote aí, A TAC é SOBERANA.
Eu só quero que você perceba o FUNDAMENTAL nisso tudo que é a TAC. A TAC é soberana. Anote aí, A TAC é SOBERANA.
Esse não um blog que vou indicar ações, renda fixa, ou fundo imobiliário. Também não adianta perder ENORMES HORAS DA SUA VIDA estudando isso, pormenores, minúcias para ganhar 0,1% a mais num ativo ou em outro se a sua TAC é baixa.
Não adianta dar murro em ponta de faca, SE VOCÊ NÃO ECONOMIZAR, NÃO MUDAR SUA MENTALIDADE, não adianta ser o melhor estudioso em ações do Brasil. 
Não vai ser garimpando ações ou a melhor renda fixa, ou a que paga uma taxa 0,1% a mais ou mesmo um fii que rendeu 11% num ano em vista de outro que rendeu 10% a.a que vai lhe deixar livre (rico?). (Eu prefiro dizer aqui que vou ser livre do que vou ser rico) pois liberdade é riqueza para mim, tempo livre para viajar, ficar com os futuros filhos (se tiver) ou dar atenção ao conjugue, trabalhar em outra coisa, trabalhar menos (não pretendo parar 100% de trabalhar né, claro).
Veja que essas contas também batem com o que o mestre Bastter fala:
“Você tem que ganhar duas vezes o que gasta pra pensar em colocar o boi na sombra”.
Adoro essa expressão do “boi na sombra.”
Tudo isso é muito teórico e muitas vezes apenas um exercício de imaginação, pois a vida é muito maior do que matemática ou finanças. Também nem sei se vale a pena ficar calculando isso e perder tempo, é preciso viver. Esses cálculos eu repasso pois tem gente que NECESSITA ter algo mais concreto pra se apoiar e seguir, e também é bom ilustrar a situação para algumas pessoas enxergarem melhor o tamanho do desafio.
Por fim não se preocupe tanto com os detalhes. O mais necessário e premente é mudar seu lifestyle, suas atitudes, suas crenças e a forma como você pensa e enxerga o dinheiro e a sociedade em si.
Como eu disse: as suas atitudes são muito mais importante do que o seu conhecimento financeiro e rodapés e detalhes de ações ou outros ativos financeiros, vai ser muito estudo pra pouco resultado prático. O que vou abordar aqui é muito mais sobre a nossa atitude e crenças sobre o dinheiro do que análise financeira em si (e nem tenho certificação oficial pra isso, apesar de estudar muito).
Um grande abraço,
Frugal.
P.S.: Fui chamar um amigo pra ir pras Olimpíadas e ele disse que não vai por que está liso, mas que queria ir. Ele ganha bem, mas vive viajando, bebendo nos fins de semana, se hospedando em várias pousadinhas por perto da cidade dele, na praia, postando fotos com champanhe de frente pro mar no instagram, em um carro bom, menos de 3 anos de uso, mas não tem mesmo nenhuma reserva nem pra ir ali nas Olimpíadas. O cara é a personificação do “Carpe Diem” matrixiano. Eis a diferença entre a liberdade e a escravidão da Matrix.

Nenhum comentário:

Postar um comentário